Automóveis/Lançamentos

Volkswagen Virtus oferece inédito recurso de inteligência artificial

Sedã foi apresentado pela VW e chega ao Brasil em janeiro de 2018

Apenas dois meses após a apresentação do Novo Polo ao mercado brasileiro, a Volkswagen apresenta o Virtus, versão sedã do hatch premium. Carro global, o Virtus é o primeiro sedã da marca construído sobre a Estratégia Modular MQB no País e chega ao mercado em janeiro de 2018. O modelo também promete ser o primeiro automóvel na América Latina a usar inteligência artificial para ajudar os motoristas no dia a dia.

“Estamos avançando rapidamente em nossa ofensiva de produtos, com a revelação do sedã Virtus apenas 60 dias após o lançamento do Novo Polo. É mais um passo para conquistar uma posição relevante na região América Latina. O Virtus já nasce com o selo da inovação: é pioneiro no uso de inteligência artificial, para ajudar o proprietário a conhecer e aproveitar melhor o Virtus no uso diário”, afirma Pablo Di Si, Presidente e CEO da Volkswagen região América do Sul e Brasil.

O sedã virá equipado com “manual cognitivo” – que usa IBM Watson para responder aos motoristas questões sobre o veículo, incluindo informações contidas no manual do carro. Essa solução permite uma nova forma de interagir com o veículo e oferece uma nova experiência tecnológica.

A exemplo dos sites de buscadores na internet, o app Volkswagen terá campos para digitação e o microfone para que o usuário faça sua pergunta oralmente – a linguagem poderá ser natural, como em uma conversa informal. O sistema reconhece sotaques e é capaz de aprender quanto mais se interage com ele.

App_Meu_Volkswagen__1_

Espaço interno

A distância entre-eixos no Virtus é de 2,65 metros (exatamente a mesma do Jetta atual), isto é: 8,5 cm a mais do que a do Novo Polo (que já tem uma das cabines mais amplas do segmento). A altura do sedã  é de 1.468 milímetros (4 mm a mais do que a do Novo Polo) e a largura é a mesma: 1.751 mm. O porta-malas é de 521 litros.

Motorização

O Virtus trará diferentes conjuntos mecânicos para os mercados da América Latina. No Brasil, terá versão equipada com motor 200 TSI e transmissão automática de 6 marchas. Essa transmissão oferece a opção de trocas manuais sequenciais Tiptronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas (“shift paddles”) no volante.

A potência máxima desse motor é de 128 cv com etanol e 115 cv com gasolina a 5.500 rpm, com torque máximo de 20,4 kgfm, com gasolina ou etanol, de 2.000 a 3.500 rpm. Equipado com esse motor, o Virtus acelera de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos e atinge velocidade máxima de 194 km/h (dados com etanol fornecidos pela montadora).

Cecília França (com informações da assessoria)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s